Gusttavo Lima está sendo processado em R$ 10 milhões pelo ex-empresário, Rafael Carvalho, informou o colunista Leo Dias. De acordo com a nota, o cantor sertanejo teria rompido com Rafael em março deste ano depois de 5 anos de sociedade. Desde então, o empresário não recebe o dinheiro referente à porcentagem dos shows e campanhas publicitárias do cantor, além de rescisão por quebra de contrato.

Gusttavo Lima e Rafael Carvalho (Foto: Reprodução)
Gusttavo Lima e Rafael Carvalho (Foto: Reprodução)

“O valor total devido pelo cantor é de R$ 10 milhões. Desde que Rafael foi afastado, já houve várias tentativas de acordo, mas a quantia oferecida por Gusttavo era muito baixa. O que o cantor propôs não chega a 5% do valor da multa. Ele nunca pagou nenhum valor a título de recebimento de propaganda, marketing e uso de imagem”, explicou o advogado Maurício Vieira de Carvalho Filho.

À coluna, Maurício ainda explica que seu cliente investiu dinheiro na carreira de Gusttavo Lima. “A carreira de Gusttavo só começou a dar lucro em 2011, mas Rafael começou a investir dinheiro no cantor muito antes, em 2008.”