O início do mês de dezembro foi marcado por registro de intensa atividade sísmica na região de Pedra Preta, conforme registros da rede de sismologia da Universidade Federal do Rio Grande do Norte.

Uma sequência de cinco tremores foi registrada pela estação de Riachuelo. O primeiro tremor ocorreu às 19h30(hora local) deste domingo(01/12), seguido por outros quatro abalos durante a madrugada desta segunda-feira(2). O tremor de maior intensidade, foi registrado às 03h16 da madrugada de hoje, e atingiu a magnitude de 3.2 graus.

“A atividade sísmica em Pedra Preta continua e, como já reafirmamos, é impossível saber qual será sua evolução. Os dados da rede sismográfica instalada na região estão sendo analisados e comparados com os resultados obtidos em 2010/11. Alguns resultados indicam uma possível extensão para nordeste da Falha de Cabeço Preto, responsável pelos sismos, e que tem direção SW-NE”, resumiu o registro LabSis/UFRN; RSISNE; INCT-ET, USGS (Joaquim Ferreira, Heleno Lima Neto, Regina Spinelli).

No sábado, 30 de novembro, completou 27 anos do grande tremor de 5.3 ocorrido em João Câmara e que levou a cidade ao pânico e desespero.