A ex-governadora do Rio Grande do Norte e candidata ao Senado Wilma de Faria (PSB) teve sua candidatura impugnada na noite deste sábado (12) pela Ministério Público Eleitoral do Estado.

As ações de impugnação foram encaminhadas ao TRE (Tribunal Regional Eleitoral), que irá julgá-las até 5 de agosto.

Segundo o Ministério, a impugnação de Wilma foi motivada pela inelegibilidade provocada pela viagem do prefeito Carlos Eduardo, em que Wilma terminou, oficialmente, assumindo a Prefeitura de Natal, apesar de não ter tomado posse. É aguardar.

wilma-de-faria-impugnacao