Prefeitura promove encontro com inscritos no Programa "frente de trabalho" (Foto: Sezimar)
Prefeitura promove encontro com inscritos no Programa “frente de trabalho” (Foto: Sezimar)

Cerca de 100 famílias participaram de uma reunião sobre o Programa Emergencial de Auxílio-desemprego “frente de trabalho” promovida pela Secretaria de Assistência Social. O evento aconteceu na noite desta terça-feira, 9, na sede provisória da Prefeitura de Jardim de Angicos.

O objetivo do encontro segundo a prefeita Suely foi porque surgiram vários boatos sobre a “bolsa”. Um deles era que ela acabava em Janeiro de 2014. Em sua fala Suely desmentiu os boatos e reafirmou que o Programa tem a validade de 1 ano, podendo renovar mais outro ano.

O encontro contou com uma palestra ministrada pelo professor Francisco Dehon onde vários temas relevantes do Programa foram abordados, dentro o qual se destaca os compromissos que as famílias devem cumprir para não perderem o benefício.

Palestra ministrada pelo professor Francisco Dehon (Foto: Sezimar)
Palestra ministrada pelo professor Francisco Dehon (Foto: Sezimar)

Na ocasião os participantes sanaram suas dúvidas sobre a importância do cumprimento das condicionalidades para a permanência no Programa, tais como comprovação de matrícula e frequência em estabelecimento escolar ou curso de qualificação profissional PRONATEC.

As condicionalidades são os compromissos assumidos tanto pelas famílias, quanto pelo poder público, para ampliar o acesso a direitos sociais básicos. As famílias assumem o compromisso de cumprir o que está estabelecido para receber o benefício.

A reunião contou com a participação da prefeita Suely Fonseca, a secretária de Assistência Social Priscila Dorate, secretário de Finanças Luiz Fernando, Secretário de Educação Sidney Fonseca e membros do CRAS.

Secretário de Finanças, Luiz Fernando (Foto: Sezimar)
Secretário de Finanças, Luiz Fernando (Foto: Sezimar)

SOBRE O PROGRAMA

O Programa Municipal de Auxilio Desemprego foi criado pela Lei Municipal nº 382/2013, decreto nº 010/2013, aprovado por unamidade dos vereadores. É coordenado pela Secretaria Municipal de Assistência Social em parceria com a Secretaria Municipal de Educação.

Hoje o Programa Municipal de Auxilio-Desemprego conta com um total de 119 Beneficiados. Como atividade indispensável para participação no Programa, o beneficiário deverá exercer prestação de serviços, em caráter temporário, sem vínculo empregatício.

No Programa, o trabalho será direcionado ao interesse da comunidade junto a qualquer órgão da administração direta ou indireta do Município, cuja determinação será dada pela administração por até 4 horas, durante até 3 dias por semana, percebendo um valor de R$ 300,00, o que equivale uma diária de 50 reais.

DADOS DO PROGRAMA

Situação entre Zona Rural e Zona Urbana

bolsa-prefeitura5 Comunidades da Zona Rural beneficiadas com o Programa

bolsa-prefeitura6

Secretarias beneficiadas com os trabalhos dos bolsistas

bolsa-prefeitura7

DEPOIMENTOS DE BENEFICIÁRIOS