Em tempos de crise e de baixa receita, o governo municipal de Macau, ensaia cortes com despesas que vão desde cargos a contratos de pessoal, foi o que que descobriu o Periquito neste feriadão santo.

O prefeito Kerginaldo Pinto [PMDB], passará logo no inicio desta semana a caneta em muitos dos afilhados de vereadores e do vice-prefeito Einstein Barbosa [sem partido].

A priori os cortes seriam apenas entre os afilhados dos vereadores, mas estes engrossaram o pescoço e não aceitaram, caso os afilhados do vice-prefeito também não entrasse na “faca”. Falam em uma lista de 90 demitidos, somente esta semana.(Francisco Gomes)