Os profissionais puderam aprender mais sobre as ferramentas do Teleconsultoria, Tele-educação e Observatório da Dengue.
Os profissionais puderam aprender mais sobre as ferramentas do Teleconsultoria, Tele-educação e Observatório da Dengue.

Foi realizada nesta quarta-feira (29), no auditório da Unidade Integrada de Saúde, em Jardim de Angicos, a primeira capacitação do Programa Telessaúde no município. Ao todo 20 profissionais foram capacitados.

O Laboratório de Inovação Tecnológica em Saúde da Universidade Federal do Rio Grande do Norte (LAIS/UFRN) enviou dois de seus membros do Núcleo Técnico-científico de Telessaúde do Rio Grande do Norte (http://telessaude.ufrn.br).

O professor Higor Morais e o aluno Guilherme Portela do IFRN, foram quem ministraram o curso. O público alvo da capacitação foram as equipes de Atenção Básica de Saúde e profissionais da Secretaria Municipal de Saúde de Jardim de Angicos.

O encontro teve início apartir das às 09h00 da manhã, com abertura dos trabalhos feita pela Secretária Municipal de Saúde de Jardim de Angicos, Enfermeira Cristina Baracho, e se estendeu até às 16h00.

A Secretária Cristina Baracho salientou acreditar que o programa trará bons resultados a Jardim de Angicos, especialmente, devido ao comprometimento dos profissionais da área da saúde. “Estamos trabalhando de forma coletiva e organizada e temos certeza que o Telessaúde vai evoluir e alcançar os seus objetivos”, enfatizou Cristina.

Sobre o Telessaúde

O Programa Telessaúde, implantado no Brasil desde 2007, é uma ação nacional que busca melhorar a qualidade do atendimento e da Atenção Básica no Sistema Único da Saúde, integrando ensino e serviço por meio de ferramentas de tecnologias da informação, que oferecem condições para promover a Teleassistência e a Teleducação.

Dentre os objetivos do programa estão a melhoria na qualidade do atendimento, redução de custos e tempo de deslocamento, fixação de profissionais de saúde nos locais de difícil acesso e agilidade no atendimento prestado através do Sistema Único de Saúde.

Observatório da Dengu

A ferramenta Observatório da Dengue (http://telessaude.ufrn.br/observatoriodadengue) permite otimizar o trabalho dos agentes de endemias e que a população possa participar do processo de combate a várias endemias (Dengue e Chikungunya) através de um sistema de denúncias online no próprio site.

Secretária de Saúde Cristina Baracho
Secretária de Saúde Cristina Baracho
COMPARTILHE