Poti Neto, Henrique Alves, João Maia e o prefeito Jaime Calado
Poti Neto, Henrique Alves, João Maia e o prefeito Jaime Calado

A política de uma das maiores cidades do estado começa a ser o assunto mais comentado nas rodas de conversa. Lá, o PMDB em 2012 despontava como favorito naquelas eleições, porém pensou no coletivo e no melhor para seu povo que seria uma união de forças em busca do crescimento e recuou da candidatura própria, indicando Poti Neto como vice-prefeito para compor chapa com o Prefeito Jaime Calado.

Para 2016 o PMDB espera indicar de forma natural Poti candidato a prefeito com o PR indicando o vice, assim mantendo a aliança vitoriosa. Uma fonte influente na política local informou que o PR quer continuar no comando do Município indicando Paulo Emídio (ex-prefeito de São Fernando) para sucessor de Jaime.

Por outro lado, os comentários são que o PMDB quer a reciprocidade do PR, apoiando o vice-prefeito Poti Neto. Jaime e Poti juntos veem realizando uma boa administração, fruto de uma parceria e união exitosa entre as siglas.

Por enquanto fica a pergunta: Em São Gonçalo a aliança PR e PMDB será mantida?