Vereadores votam pelo afastamento da prefeita de Galinhos, RN

A prefeita afastada Josineide Cunha deverá recorrer da decisão da Câmara. Com a cassação do mandato da prefeita, quem assume é o vice, Fábio Rodrigues (PRB).

129

Por seis votos a três, a Câmara dos Vereadores afastou a prefeita da cidade de Galinhos, que fica a 166 quilômetros de Natal, no litoral Norte do Rio Grande do Norte, Josineide Cunha de Medeiros (PSD), no final da manhã desta segunda-feira (16).

A maioria dos parlamentares foi favorável ao relatório da Comissão Especial de Inquérito (CEI). A chefe do Executivo é suspeita de irregularidades financeiras, entre elas a emissão de cheques sem fundos para cobrir despesas da prefeitura.

Manifestantes acompanharam do lado de fora da Câmara com cartazes e faixas cobrando melhorias para a cidade. Antes da decisão dos vereadores, a sessão foi marcada pelo clima tenso entre os apoiadores da prefeita e os que pediam o seu afastamento.

MAIS DETALHES

Josineide Medeiros é acusada de cometer irregularidades como a emissão de 30 cheques sem fundos e foi cassada após a conclusão dos trabalhos da Comissão Especial de Investigação (CEI).

Este foi o segundo afastamento de prefeitos potiguares este mês pelas câmaras municipais. Em Areia Branca, a prefeita Luana Bruno (PMDB) voltou ao cargo por decisão judicial depois de ter o mandato cassado pelos vereadores do município no dia 10 de maio.

A juíza Uefla Fernanda Duarte Fernandes determinou o retorno de Luana Bruno porque entendeu que os vereadores não lhe concederam o direito de ampla defesa, ao contrário de Josineide Medeiros, que tentou, sem sucesso, suspender na Justiça o trabalho da CEI duas vezes.

Moradores protestam contra administração
Moradores protestam contra administração
COMPARTILHE